Buscar
  • IDS

O abuso sexual infantil e a família – o que fazer?


Cuide da sua família quando o abuso sexual infantil ocorrer. Se você descobrir que seu filho foi abusado sexualmente, certamente afetará você, como pai ou mãe. É importante encontrar uma maneira de gerenciar seus sentimentos e criar um ambiente para o seu filho, que esteja livre de danos, julgamento e culpa.

O que posso esperar do meu filho?

Os efeitos do abuso sexual variam de pessoa para pessoa. O processo de cura pode levar muito tempo e a frustração é inevitável.

Sobreviventes de abuso sexual infantil podem reagir de várias formas. Seu filho pode:

  • Ficar bravo com você por não protegê-lo.

  • Ficar bravo com você por remover o agressor da casa.

  • Confiar em alguém que não seja você.

  • Não falar sobre isso.

  • Falar sobre o abuso o tempo todo.

Repita

Não importa a reação da criança, repita as mensagens a seguir com suas palavras e ações:

  • Eu te amo.

  • O que aconteceu não é culpa sua.

  • Eu farei tudo o que puder para mantê-lo seguro.

Converse com alguém

Se você precisar falar com alguém agora, encontre um local de serviços de abuso sexual e peça ajuda/orientação. Eles são treinados para te ajudar.

Tenha em mente que não há uma reação "certa". Você e seu filho podem querer conversar com um profissional sobre seus pensamentos e sentimentos. O suporte profissional auxilia em resultados mais saudáveis ​​a curto e longo prazo para você e seu filho.

Receba suporte

Você precisa cuidar de si mesmo para apoiar seu filho.

  • Considere conversar com um psicólogo para que você possa se concentrar totalmente em suas preocupações sem se preocupar com a reação de seu filho.

  • Desenvolva um sistema de apoio de amigos e familiares.

  • Participe de um grupo de suporte organizado.

  • Reserve tempo para atividades que não giram em torno do abuso. Todo mundo precisa de uma pausa de vez em quando.

  • Pratique o autocuidado para manter a mente e o corpo saudáveis.

Cuidados pessoais

O autocuidado te permite a cuidar melhor dos outros.

  • Mantenha seu estilo de vida. Se você se concentrar apenas no ataque, isso causará um estresse indevido em você e no seu filho. Se você costuma fazer exercícios, cozinhar ou ler, mantenha essas atividades. Pode ser um desafio, mas vai ajudá-lo a longo prazo.

  • Fazer planos. Chega um momento em que falar pode fazer você se sentir mais preso, então faça uma pausa para fazer algo que você ama ou tente algo novo. Encontre uma maneira de você e seu filho fazer algo diferente.

  • Continue a falar sobre isso. É normal ter dificuldade em processar a agressão sexual de alguém que você ama. Pode continuar a ser difícil à medida que o tempo passa e o sobrevivente começa a sarar. Certifique-se de ter contatos pessoais e profissionais para conversar.

  • Considere práticas como mindfulness ou yoga. Construa tempo no seu dia para momentos de relaxamento.

#família #famíliaemterapia

53 visualizações

ASSINE NOSSA NEWSLETTER:

PATROCINADORES:
SIGA:
  • Instituto Desenhando Sorrisos
  • Instituto Desenhando Sorrisos

©2015 Produzido por IDS Design.